A especialista Bruna Santos aborda o uso de Dados Abertos para mais transparência na gestão pública

Bruna é especialista nas áreas de Governo Aberto, Gestão Pública e Inovação Aberta, pela Universidade de Columbia – uma das mais prestigiosas do mundo, e, também, ocupa o cargo de presidente do conselho deliberativo da Open Knowledge (OKBR) – organização que utiliza e desenvolve ferramentas cívicas, projetos, análises de políticas públicas, jornalismo de dados e promoção do conhecimento livre nos diversos campos da sociedade, além do interesse em tornar a relação entre governo e sociedade mais próxima e transparente. ... Ler mais

“A cidade inteligente e inovadora usa a tecnologia de modo estratégico”, afirma diretora de Conhecimento e Inovação da Comunitas

A Comunitas está crescendo, ano após ano, e uma das áreas responsáveis por isso é a de Conhecimento e Inovação – encarregada de analisar, estruturar e ampliar os impactos dos trabalhos realizados pela organização. Por esse motivo, hoje (19), no Dia da Inovação, nossa conversa foi com Bruna Santos, diretora de Conhecimento e Inovação da Comunitas na época, que explica a importância e os desafios de inovar nos governos. ... Ler mais

“O crescimento das redes sociais mudou a forma como a comunicação pública deve ser realizada”, explica ex-secretário de Comunicação Social da Prefeitura de Juiz de Fora

O participante desse Bate-Bola é Michael Guedes, (na época) secretário de Comunicação Social da Prefeitura de Juiz de Fora, cidade parceria da Comunitas. Michael é jornalista e professor, e possui MBA em Liderança e Gestão Pública pelo Centro de Liderança Pública (CLP), com módulo realizado na Harvard Kennedy School – cursado por meio de bolsa de estudo concedida pela Comunitas. ... Ler mais

Vídeo | Liderança no Setor Público, com Federico Gutiérrez e Bill Eimicke

Segundo a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), existe uma lacuna entre a cultura de gestão no serviço público e o que a população espera de suas lideranças.Mas, na prática, quais são as características e competências do líder público do século 21? Quais ações que podem ser desenvolvidas para aproximar o governo do cidadão, sem perder de vista os compromissos éticos e o foco nos resultados – necessários à boa gestão? Quando falamos de perfis de liderança, o que mudou? ... Ler mais

“Pensar as cidades é pensar a qualidade de vida da maioria dos habitantes do planeta”, explica especialista em planejamento urbano

Vamos continuar falando sobre planejamento urbano? Para avançar – e aprofundar – o assunto, a convidada do Bate-Bola dessa vez é Ariadne Daher, arquiteta-urbanista sócia do Jaime Lerner Arquitetos Associados (JLAA), escritório criado pelo renomado urbanista brasileiro, de mesmo nome, que trabalha na criação de iniciativas para melhoria da qualidade de vida nos ambientes urbanos. ... Ler mais

“Formalizar o Pacto Federativo permite saber ao certo de quem cobrar a execução de cada serviço público”, explica economista

José Afonso é economista e técnico em contabilidade; pesquisador do FGV/IBRE, assessor técnico do Senado Federal e consultor especializado em finanças públicas e federalismo, inclusive de organismos internacionais. Atuou no BNDES entre 1984 e 2013, inclusive como superintendente, quando também esteve na Câmara dos Deputados, Assembleia Constituinte, IPEA e Ministério do Planejamento. ... Ler mais

“Os governos voltam sua atenção para medidas de visibilidade e resultados imediatos”, afirma Fernando Veloso

Fernando Veloso foi diretor-geral de Segurança Institucional do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro de maio a dezembro de 2017. Está há quinze anos no cargo de Delegado de Polícia em diferentes funções, dentre as quais, subchefe operacional (2011-2014) e chefe da Policia Civil do Estado do Rio de Janeiro (2014-2016). Também é comentarista especialista em segurança pública no RJ1 da TV Globo desde janeiro de 2018. ... Ler mais

“Não é possível gerir o país com leis e protocolos do século passado”, afirma ex-secretária do governo mineiro

Graduada em Estatística pela Universidade Federal de Minas Gerais, e especialista em Administração Pública pela Fundação João Pinheiro e em Gestão Pública e Legislação Urbana na Universidade Cândido Mendes, Renata Vilhena tem um vasto conhecimento na área pública. No momento, Renata é professora da Fundação Dom Cabral, mas já atuou em órgãos como Ministério do Planejamento, Orçamento e Desenvolvimento, Tribunal de Contas do Espírito Santo, e Prefeitura de Belo Horizonte (MG). Renata também foi secretária de Planejamento e Gestão do Governo de Minas Gerais – sendo uma das lideranças na concepção do “Choque de Gestão” sofrido pela administração mineira a partir de 2003. ... Ler mais