Avanços e medidas tomadas pela esfera pública para pessoas LGBTQIA+

No dia 28 de junho é comemorado o dia internacional do Orgulho LGBTQIA+. Uma vez que os direitos dessa população vêm sendo conquistados há pouquíssimo tempo, ainda existe muito a ser feito pela esfera pública para que os direitos LGBTQIA+ sejam devidamente assegurados. O seguinte material foi produzido com o objetivo de incentivar e orientar a administração pública brasileira para possíveis medidas e políticas sociais com foco na diversidade e inclusão, complementando o que foi disponibilizado no ano de 2021. ... Ler mais

Como políticas públicas vem garantindo os direitos e a segurança da comunidade LGBTQIA+ ao redor do mundo e no Brasil

Em 2019 o Supremo Tribunal Federal equiparou a Homofobia e Transfobia aos dispositivos da lei 7.716 (preconceito de raça ou de cor), buscando considerar os atos como discriminação e preconceito. Pensando nisso, esse material tem como objetivo incentivar e orientar a administração pública brasileira, sobre possíveis medidas e políticas sociais com foco na diversidade e inclusão dentro da gestão pública. ... Ler mais

Cidade Para Mulheres

“Você vai voltar sozinha para casa? Pede para o fulano te acompanhar”. “Me avise quando você chegar em casa.” “Ignorar comentários, fingir que não ouviu ou sorrir gentilmente e abaixar os olhos.” “Não, é sua imaginação, ele só está tão grudado em você porque o metrô está cheio.” “Não, é sua imaginação, eles não estão te seguindo, mas por via das dúvidas, aperte o passo.” “Se eu sair dessa reunião pontualmente, consigo passar na creche pegar as crianças, passar no supermercado, cozinhar, dar banho e talvez ainda sobre um tempinho para mim.” ... Ler mais

Empoderamento econômico para mulheres

Um tema de grande relevância para mulheres do século XXI é o empoderamento econômico. De acordo com o relatório de desigualdade de gênero global de 2021 do World Economic Forum, serão necessários 267 anos e 6 meses para as mulheres alcançarem a paridade de gênero no quesito de participação e oportunidade econômica. ... Ler mais

Segurança pública para mulheres

De acordo com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID, 2021)¹: “No Brasil, a cada 7.2 segundos, uma mulher é vítima de violência física, a cada 1.4 segundo uma mulher é vítima de assédio, a cada 1.5 segundo uma mulher é vítima de assédio na rua e a cada 6.9 segundos uma mulher é vítima de perseguição. Insultos, flerte, violência, assédio insistente… em muitos casos, as mulheres experimentam o espaço público através desse prisma pouco agradável.” ... Ler mais

Planejamento urbano para mulheres

É através da ótica da diversidade e inclusão social, que o urbanismo adota uma perspectiva inovadora e coloca em evidência as necessidades da sociedade como um todo. Assim sendo, algumas cidades buscaram maneiras de transformar o espaço urbano existente em lugares mais adequados e condizentes com as demandas das mulheres do século XXI e buscando mais equidade. ... Ler mais

Um momento de autorreflexão sobre a diversidade na política

Ainda que haja um longo caminho a ser percorrido, o setor privado já começou a compreender que a diversidade no ambiente corporativo pode gerar mais produtividade, inovação, e por conseguinte, lucros para as empresas. Contudo, quando olhamos para o setor público, percebemos que este se depara com um caminho ainda mais longo. ... Ler mais