Melhoria da aprendizagem em Caruaru

 

 Introdução 

Sendo a melhoria da educação básica um dos principais desafios educacionais aos municípios brasileiros, o projeto “Replica Teresina” foi capitaneado pela Comunitas, e contou com a liderança do consultor Alexandre Schneider, ex-secretário municipal de educação de São Paulo, visando compartilhar e disseminar em Caruaru as boas práticas da educação municipal da capital piauiense, a qual é destaque nas avaliações nacionais de educação básica.

O projeto objetivou dar a oportunidade para que Caruaru pudesse criar suas próprias alternativas de políticas a partir das evidências encontradas na capital piauiense, como foco na busca de melhorias para os métodos de avaliação e formação. 

 

 Desafio / Diagnóstico 

A melhoria da qualidade da educação pública brasileira, medida através dos resultados do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB) e do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), tem sido um dos principais desafios de política pública do país. O município de Teresina, por sua vez, tem se destacado em todas as avaliações nacionais desde a criação do IDEB, sendo que, em 2017, alcançou a melhor nota entre as capitais do país nas duas etapas do ensino fundamental.

Aproveitando que a cidade também faz parte do Programa Juntos, foi pensada uma parceria para tentar replicar este aprendizado institucional, buscando alternativas de política educacional municipal através de metodologias de cocriação, as quais serviriam de base para aprimorar o aprendizado das crianças da rede pública de Caruaru.

 

 Estratégia 

O projeto buscou sistematizar e dar condições à replicação das políticas municipais de Teresina em Caruaru, sendo que os principais aspectos tratados referiam-se às seguintes políticas de educação:

 

a) Planejamento estratégico educacional para resultados;

b) Avaliação da aprendizagem;

c) Formação de professores;

d) Políticas de alfabetização e letramento;

e) Políticas de mérito na educação pública.

 

 Desenvolvimento 

O projeto foi realizado através de três tipos de atividades principais:

 

1. Intercâmbio de práticas e ideias sobre melhores políticas em áreas determinantes para o sucesso da aprendizagem dos alunos: fase na qual foram realizadas atividades formativas; desenvolvimento de metodologia e conteúdos; conferência com o consultor do projeto, Alexandre Schneider e consolidação do aprendizado.

O projeto teve início com a realização de um seminário com a participação das equipes da secretaria de Educação. De lá, as equipes saíram com a proposta de realização de três simulados em cada cidade para melhor desempenho no Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb).

 

2. Sistematização e elaboração de cartilha de replicabilidade baseada no case de Teresina: etapa de construção do panorama da educação básica de Caruaru através de entrevistas com servidores da educação e suas experiências, e consolidação do documento sobre a replicabilidade do projeto.

 

3. Elaboração de conteúdo tático (toolkits) para o desenho de políticas educacionais: fase final na qual foram compartilhada as estratégias de gestão da educação municipal, através da elaboração de ferramentas para planejamento e gestão educacional. O objetivo do material era apoiar os servidores na implementação das ações necessárias.

 

 Ferramentas 

O projeto “Replica Teresina” utilizou as seguintes ferramentas em suas atividades: entrevistas, formações e workshops com os servidores; sistematização e elaboração de cartilha de replicabilidade; elaboração e aplicação de conteúdos táticos e ferramentas de planejamento, gestão e avaliação educacional.

 

 Resultados 

Inspirada nas boas práticas de educação de Teresina, em Caruaru a Secretaria de Educação criou o Trilhas do Sucesso, iniciativa que teve o objetivo de promover ações de impacto de curto prazo que para estimular a revisão de processos e a implementação de uma sistemática de melhoria da qualidade do ensino com ações de tutoria contínuas e aplicação de simulados para melhores desempenho de aprendizagem no Saeb.

O Trilhas do Sucesso foi dividido em três etapas: início, com ações como o estabelecimento de metas quinzenais de avanço das escolas; desenvolvimento, que tem dentre as ações a identificação de alunos prioritários e reuniões com as famílias, estudantes e educadores; e a última fase de organização do tempo, que teve entre as ações o planejamento de horários de trabalho para as ações dos Programas Federais e dos tutores de Língua Portuguesa e Matemática.

O projeto visa promover ações contínuas, como mobilizar educadores para atuação proativa, exercitar transparência da gestão, estimular a interação na secretaria e promover desafios coletivos.

 

Conteúdos relacionados

Prefeitura de Paraty utiliza "games" para estimular e ampliar aprendizado na rede municipal de ensino

Merenda escolar mais saudável e regional em Paraty

Parceria público-privada garante alimentação para alunos de SP durante pandemia

Educação pública socioemocional em Paraty